ShopTorres

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Chimpanzés reconhecem injustiças contra colegas

12/04/2010 - 12h03

Chimpanzés reconhecem injustiças contra colegas, mostra estudo

da New Scientist
Chimpanzés reconhecem injustiças mesmo quando não dizem respeito a eles mesmos. Esta percepção em relação aos outros pode ser uma forma rudimentar da justiça social que caracteriza as sociedades humanas.
Em estudos anteriores, diversos primatas de grande e pequeno porte --e até cães-- responderam mal ao receberem recompensas menores para a mesma tarefa que deu a outros prêmios melhores. Mas nenhum desses animais aparentemente reconheceu injustiças em relação a outros.
Sarah Brosnan, primatologista da Universidade de Geórgia, em Atlanta (EUA), e seus colegas treinaram chimpanzés em cativeiro para trocar fichas por petiscos. Depois, avaliaram como pares do mesmo sexo reagiam a diversos níveis de compensação.

Kelly Kerr/AP

Como esperado, os primatas tenderam mais a rejeitar uma cenoura sem graça quando seu parceiro ganhava uma deliciosa uva pela mesma ficha. E, surpreendentemente, eles também se mostraram mais inclinados a rejeitar a uva se seus parceiros ganhavam apenas uma cenoura.
Nos experimentos anteriores, outros grupos de chimpanzés não se mostraram sensíveis a injustiças contra outros indivíduos. É possível que os animais do estudo de Brosnan tenham rejeitados as uvas em parte devido à proximidade física dos menos afortunados --ou seja, por temerem algum tipo de retaliação--, sugerem os pesquisadores.
http://www1.folha.uol.com.br/folha/bichos/ult10006u719511.shtml

Nenhum comentário: